Acostamento deve ser utilizado somente para emergências

Acostamento deve ser utilizado somente para emergências

É comum nos depararmos com muitos motoristas utilizando o acostamento das rodovias para descanso ou necessidades diversas, entretanto além dos perigos de se estacionar e dormir em um local inapropriado nas estradas, também existem locais específicos para esta finalidade, como pontos de parada e de apoio, postos de combustíveis, áreas de recuos e mais.

Com o curto prazo para entregas ou a dificuldade em estradas em más condições o cansaço dos caminhoneiros pode não aguentar esperar até o próximo local adequado para descanso, porém ficar parado por muito tempo no acostamento aumenta o risco de diversos problemas, como acidentes e assaltos.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) explícita que o acostamento é a parte da via diferenciada da pista de rolamento, destinada à parada ou estacionamento de veículos, em caso de emergência, e à circulação de pedestres e bicicletas, quando não houver local apropriado para este fim”. Vale lembrar, que o CTB também cita que se o motorista ficar muito tempo parado no acostamento sem motivo de força maior, ele está infringindo outros pontos do código.

Para evitar situações de risco a Polícia Rodoviária Federal (PRF) deu algumas dicas de segurança ao portal O Carreteiro, como verificar sempre a possibilidade de acesso e permanência em locais permitidos; planejar a viagem identificando pontos de parada e descanso ao longo do trajeto e, caso o motorista se encontre em situação adversa, ele pode ligar para o telefone de emergência da PRF, 191 em todas as localidades do Brasil.

 

Fontes: O Carreteiro e CTB Digital


MMCafé