Alta dos combustíveis pode impactar custo de fretes

Alta dos combustíveis pode impactar custo de fretes

Os preços dos combustíveis foram reajustados pela Petrobrás na primeira semana de dezembro, a gasolina sofreu reajuste de 8,1%, e o diesel 9,5%, o que pode acarretar mudanças nos valores dos fretes.

Conforme o Blog do Caminhoneiro, um estudo realizado pela NTC & Logística confirma o reajuste de 5,5% na bomba – R$ 0,17 por litro – caso seja repassado integralmente. Para o estudo foi considerado o consumo médio de um caminhão trator 4x2 tracionando carreta furgão de três eixos com capacidade para 26,2 toneladas de carga.

Ainda de acordo com o Blog do Caminhoneiro, a estimativa é que o aumento médio seja de R$ 1,28 para distâncias de 800 quilômetros, já para 2.400km a variação pode chegar a 1,59%. O custo de caminhões pesados pode sofrer um impacto de 0,43% em trajetos de até 50km; 1,04% em trajetos até 400km e 1,74% quando os trajetos forem superiores a 400km. Além das distâncias, também são levadas em conta carga lotação e, dependendo da operação, a representatividade do combustível pode variar de 15% a 40%.

Em operações urbanas ou rotas curtas, o combustível utilizado pode chegar a 15% ou 20% do custo da operação. Operações rodoviárias, por sua vez, os valores do combustível podem chegar a 40% do custo.

 

Fonte: O Blog do Caminhoneiro 


MMCafé